terça-feira, 14 de julho de 2009

APRENDENDO COM JÓ

Quatro Pontos de Vista sobre Jó...
Em tempos de "reality shows" tais como as "fazendas" e os "big brothers" da vida, precisamos saber que sobre cada um de nós existem "quatro câmeras" nos focalizando em nossa vida real... quatro lentes... quatro pontos de vista.
Quando lemos o primeiro versículo do livro de Jó vemos a seguinte afirmação: "Havia um homem na terra de Uz chamado Jó; homem sincero, reto, temente a Deus e que se desviava do mal..." Que tremenda esta afirmação! Há uma descrição do caráter deste homem... e que homem!
Sincero - vem de uma expressão que significa "sem cera"... muitos marceneiros, no passado, para camuflar imperfeições em madeiras de alguns móveis, cobriam estes defeitos com cera que mais tarde acabaria por revelar estas imperfeições. Quando a madeira era perfeita, sem defeitos dizia-se que era "sem cera", daí o termo sincero = que se apresenta sem arremates, franco, leal!
Reto - imparcial, justo, honesto, íntegro!
Temente a Deus - que tributa grande respeito e reverência
Que se desviava do mal - que se afasta, que se separa, que evita!
Mas a minha pergunta é: QUEM disse isto a respeito de Jó?
Vemos que esta opinião foi apresentada pelo escritor do livro... não sabemos se Moisés, Salomão, Isaías ou algum contemporâneo dele... O que sabemos é que era a opinião de alguém sobre ele...

PRIMEIRA CÂMERA
A primeira câmera que está nos focalizando é a câmera dos nossos vizinhos... a pergunta é esta: O QUE OS OUTROS PENSAM DE NÓS? Isto nos faz refletir sobre a importância de nosso TESTEMUNHO!
Se fossem escrever nossa biografia, o que diriam de nós? Havia um homem/mulher na terra de (...)... o que diriam? homem fofoqueiro? encrenqueiro? Enfim, O QUE OS OUTROS PENSAM DE NÓS? Muitos dizem: Estou pouco me "lixando" para o que os outros pensam! Errado! Temos que nos preocuparmos sim... O que nossos vizinhos pensam? Nossos companheiros de trabalho? Nossa família? Reflitamos sobre a importância de nosso testemunho: “...vede prudentemente como andais...” Ef 5:15, 16 ou ainda “...portai-vos de modo que não deis escândalo...” I Co 10:32.
Que bom se pudéssemos ser identificados como Eliseu foi quando a mulher sunamita disse: “...eis que tenho observado que este que passa por nós é um santo homem de Deus...” II Rs 4:9

SEGUNDA CÂMERA
Agora vemos a segunda câmera em cena... a câmera de Deus! Veja o versículo 8 do primeiro capítulo: "...E disse o Senhor a Satanás: Observaste tu a meu servo Jó? Porque ninguém há na terra semelhante a ele, homem íntegro e reto, temente a Deus, e que se desvia do mal..."
Agora não é mais a opinião dos outros mas sim a opinião do próprio Deus! "Disse o Senhor"!
Esta segunda câmera nos faz perguntarmos: QUE PENSA DEUS SOBRE NÓS? Isto faz com que reflitamos sobre a importância de nossa SINCERIDADE!
Podemos enganar os outros, mas não podemos enganar a Deus! Nosso Pai é Onisciente por isso "... O SENHOR olha desde os céus e está vendo a todos os filhos dos homens..." Salmos 33:13 como também lemos em Salmos 1:6 que " ...o SENHOR conhece o caminho dos justos; porém o caminho dos ímpios perecerá...". Deus está atento a nosso testemunho e principalmente às intenções de nosso coração! "... porque o SENHOR não vê como vê o homem, pois o homem vê o que está diante dos olhos, porém o SENHOR olha para o coração..." I Samuel 16:17

TERCEIRA CÂMERA
Já vimos que os OUTROS nos observam e DEUS também... mas, há uma terceira câmera neste nosso "reality show". Veja o que Jó 1:9 e 11 diz: "...Então respondeu Satanás ao SENHOR e disse: Porventura teme Jó a Deus debalde?... Estende a tua mão, e toca-lhe em tudo quanto tem, e verás se não blasfema contra Ti na Tua face..."
A terceira câmera nos faz perguntar: O QUE O INIMIGO PENSA DE NÓS? E imediatamente refletimos sobre a importância da VIGILÂNCIA!
A Bíblia diz que devemos vigiar: "...vigiai porque o diabo anda em derredor..." I Pedro 5:8
Se estamos tranquilos é porque muitas vezes não devemos estar incomodando o inimigo pois o testemunho de Jó o incomodava a ponto de ele ir até Deus para acusá-lo. E hoje não é diferente, ele continua ardiloso e traiçoeiro: "...não podemos ignorar seus ardis..." II Corintios 2:11
Da mesma forma que ele foi ousado e tentou a Jesus, certamente não nos poupará! Vigiemos!

QUARTA CÂMERA
A última câmera está em Jó 1:21 e 22 quando lemos "...e disse: Nu saí do ventre de minha mãe e nu tornarei para lá; o SENHOR o deu, e o SENHOR o tomou: bendito seja o nome do SENHOR. Em tudo isto Jó não pecou, nem atribuiu a Deus falta alguma..."
Agora não são os OUTROS, nem DEUS, nem o INIMIGO, mas é o próprio Jó quem revela um pensamento acerca de si mesmo. Por isso devemos perguntar a nós mesmos: O QUE NÓS PENSAMOS DE NÓS? Daí refletimos sobre a importância da HUMILDADE!
"... Se alguém se considera alguma coisa, não sendo nada, engana-se a si mesmo..." Gálatas 6:3. Quantos enchem-se de orgulho e soberba tais como Nabucodonozor que contemplava Babilônia e dizia: "Eis a cidade que EU edifiquei com a MINHA FORÇA e para a MINHA Glória!"... Cuidado! Na obra de Deus nós não seriamos nada sem Ele... a Glória é para Ele... "...Pois Dele, por Ele e para Ele são todas as coisas. A Ele seja a glória para sempre! Amém..." Romanos 11:36

"...É necessário que Ele cresça e eu diminua..." João 3:30.
Sem Deus nós não somos nada!
"...Não que possamos reivindicar qualquer coisa com base em nossos próprios méritos, mas a nossa capacidade vem de Deus. Ele nos capacitou para sermos ministros de uma nova aliança, não da letra, mas do Espírito; pois a letra mata, mas o Espírito vivifica..." II Corintios 3:5, 6

Lembre-se... quatro câmeras... quatro pontos de vida... que nos advertem sobre a importância do TESTEMUNHO, da SINCERIDADE, da VIGILÂNCIA e da HUMILDADE.

Passe para a frente este desafio...

Que Deus te abençoe

Um comentário:

Carolina Viana disse...

Gostei muito!

Aprendi mais coisas com a grande história de Jó através deste texto!

Obrigada!!