terça-feira, 16 de junho de 2009

NOSSAS CRIANÇAS ESTÃO EM PERIGO!

Mês passado publiquei uma postagem onde dizia sobre a urgência da evangelização dos pequeninos... se você não leu naquela ocasião eis o link: apascenta os meus cordeiros.

Naquela ocasião disse que: "...Enquanto menosprezamos as crianças, o inimigo tem investido com todas as forças para tê-las. Observe algumas das investidas do inimigo contra os pequeninos:..."
Recordo-me que destaquei a prostituição infantil como um grave problema em nosso país:

"...O que dizer da prostituição? A CPI da pedofilia já constatou crianças sendo vendidas e oferecidas a R$ 1,99... é triste a realidade de nossas crianças!..."

Veja alguns dados recentes extraídos de uma notícia vinculada no Portal de Notícias da Globo.com... fiz um breve resumo, mas se quiser ver a notícia na íntegra, eis o link.

Seade: gravidez na infância cresce com violência sexual

A taxa de gravidez em meninas entre 10 e 14 anos de idade aumentou 3,2% em São Paulo, saindo de 3.278 gestações em 2006 para 3.386 em 2007, conforme os dados mais recentes da Fundação Sistema Estadual de Análise de Dados (Seade)... Para os especialistas, a constância das gestações na infância tem relação com a violência sexual, crime também em ascensão no Estado - com avanço de 33,2% no primeiro trimestre de 2009... Todo ano, há 3,5 mil garotas que entram nas estatísticas de gestação precoce, uma média de três por dia. O índice não cede em São Paulo... Os dados da Secretaria de Segurança Pública endossam que os menores de idade são as vítimas preferenciais dos criminosos. Durante o ano passado, apenas nas delegacias da mulher do Estado, foram registrados 3.194 estupros e atentados violentos ao pudor. Do total, 2.413 foram contra crianças e adolescentes, o que representa 75% dos crimes... “A vinculação entre abuso e gravidez fica evidente nos serviços de aborto legal. São as menores que figuram entre a maioria das pacientes”, afirma Margareth Arilha, diretora executiva da Comissão de Cidadania e Reprodução (CCR). No Hospital Pérola Byington, dos 705 abortos realizados desde 1995 até 2008, 27% foram em meninas de 12 a 17 anos. A rotina do ambulatório é mais reveladora: dos 2.330 acolhimentos feitos no ano passado, 47% eram em menores de 12 anos. Um dado da entidade é que em 16% dos casos o abuso só é revelado com a gestação. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Precisamos levantar a Deus um clamor por estas crianças... não podemos nos calar! O diabo tem acabado com a inocência delas destilando "sexo" e "lascívia" abundantemente através da mídia.
Fica um alerta aos pais: "...nenhum sucesso no mundo compensa o fracasso em seu lar...".
Talvez a "competitividade" deste mundo tem tornado você um escravo do dinheiro de modo que tenha relegado sua família, mais especificamente teus filhos!
A quem você os têm confiado? Você tem dialogado com eles? Tem orientado?
Lembre-se das palavras do Salmo 78 que nos alerta para o fato de que se nos calarmos virá uma geração contumaz, rebelde e que não regerá o seu coração...

Que Deus se apiede de nós!

Um comentário:

Beto e Juju disse...

É isso ai, querido Pastor!
Levantemo-nos!